DESVANTAGENS DA ODONTOLOGIA CONVENCIONAL

Introdução & visão global

 

 

Mais seriamente, alega-se (até mesmo por vários dentistas “alternativos” como aqueles que [louvavelmente] praticam odontologia livre de mercúrio) que as práticas dentárias convencionais mais tóxicas estão cheias de perigos à saúde (i.e. não têm consideração para com os efeitos sistêmicos prejudiciais de tratamentos dentários como obturações com amálgama etratamentos de canal]), inclusive interferindo com a capacidade de auto-cura inerente a todo o seu corpo, até mesmo a seus dentes, gengivas e boca.

Os muitos dentistas convencionais que tive o (bastante triste) prazer de conhecer não acreditavam nem tinham ao menos interesse em me ajudar a melhorar meus dentes, i.e. capacitar-me a cuidar de minha saúde dental. Seu único interesse era de perfurar, obturar e cobrar. Somos gratos pelo fato de que há umas poucas raras e notáveis exceções à regra (embora não tenha eu pessoalmente encontrado nenhum deles) alguns dos quais são citados aqui [em inglês]. Quase sempre, esses dentistas “renegados” põem em perigo seu ganha-pão e carreira ao falarem abertamente e defenderem o que sabiam era o correto a fazer (também compare Sobre a odontologia livre de mercúrio e toxinas).

Após anos de experiências pouco positivas, decidi pessoalmente evitar dentistas já que não desejo carregar materiais estranhos em minha boca (sejam eles obturações, coroas, incrustações…) com seus possíveis ou provados riscos à saúde como amálgama com mercúrio e outros metais danosos e/ou substâncias químicas tóxicas lixiviando para o interior do corpo, contaminação radioativa, etc. Até mesmo o “simples” fato de se perfurar com broca um dente constitui realmente um trauma grave ao dente, assim atacado (sem mencionar para todo o indivíduo, se não houver o benefício da anestesia local), comparável a uma operação realizada em outra parte do corpo físico.

Duas citações de relatórios de leitores do sítio Amazon refletem experiências semelhantes:

As faculdades de odontologia e a American Dental Association [Associação Odontológica Americana] não têm os seus melhores interesses em sua essência. Eles têm causado doença, sofrimento e morte ao recusarem reconhecer o dano das práticas dentárias convencionais. Infelizmente, temos portanto de nos educar. Recomendo começar com Root Canal Cover-Up [Ocultação sobre o Tratamento de Canal] e o excelente livro de Robert Kulacz, The Roots of Disease [As Raízes da Doença]. Sua pesquisa poderá lhe levar ao cinismo e até ao ódio quando descobrir o que nossos dentistas têm feito conosco durante todos esses anos – e o quanto custará para DES-fazer seu dano — mas comova-se ao saber que ao menos o dano PODE ser desfeito.1

Sugeriria … a leitura sobre a política por trás da criação da Associações de Dentistas, para eliminar quaisquer responsabilidades que os dentistas tinham em proteger o corpo humano versus proteção de dentes mortos. A maioria dos dentistas são pagos para serem salvadores de dentes e de modo um pouco inocente terminam sendo assassinos do corpo. Não sabem o que estão fazendo.”1

Lista resumida das desvantagens da odontologia convencional

  • A odontologia convencional é uma abordagem sintomática amplamente baseada em procedimentos e técnicas cirúrgicas, ao invés de uma abordagem que tenta examinar e tratar as causas primeiras. Se as causas primordiais não forem tratadas, a doença provavelmente progredirá.

  • A odontologia convencional tanto direta (e.g. metais) e indiretamente (ao provocar infecções) introduz numerosas toxinas no corpo e assim prejudica a saúde humana (e do meio ambiente como por exemplo ao contribuir em larga escala para a carga de poluição por mercúrio na atmosfera).

  • A odontologia convencional ao realizar tratamentos de canal é acusada de ser responsável pelo desencadeamento ou contribuir para inúmeras doenças crônicas e degenerativas.

  • A odontologia convencional prejudica gravemente os dentes e gengivas (como frequentemente enfraquecendo dentes com obturações [dentista Dr. Nathan Cochrane], “imergindo-os” em toxinas como mercúrio e outros metais tóxicos, perfurando e retirando tanto estrutura dentária cariada como saudável para introduzir uma obturação, submetendo o dente a trauma mecânico e químico, criando fraturas microscópicas com a perfuração com broca de alta rotação e frequentemente matando dentes no longo prazo como o faz com coroas (dentista Dr Graeme Munro-Hall), reduzindo dentes saudáveis a meros tocos para colocar uma ponte, ou por meio de quaisquer dos fatores mencionados acima e também outros). Isso sem mesmo mencionar o impacto dos raios-X e sua contribuição ao câncer de tireóide e outros.4

  • O diagnóstico dentário parece ser uma questão de acertar ou perder o alvo, levando à “sistemática edentulação dos pacientes”.5

Sobre a odontologia livre de mercúrio e toxinas2

Há um bom número de dentistas ativos e organizações a trabalhar para eliminar toxinas e procedimentos danosos da odontologia.

Alguns deles são admiráveis “heróis” prontos a arriscar (e em verdade perdendo ou tendo perdido, ao menos temporariamente) sua licença para praticar a odontologia, em razão de suas convicções. O repetidamente citado Dr. Nara [veja em inglês Quotes by proponents of Natural Hygiene and dental self-healing, renegade dentists, researchers and authors] é um deles, outro menos conhecido é o Dr. Larry J. Hanus, um franco advogado da odontologia sem mercúrio que teve sua licença suspensa pelo Iowa dental board [Conselho Odontológico de Iowa]3 por um gritante período de 13 anos. Seu crime foi alertar pacientes de que as obturações “prateadas” consistem em sua maior parte de mercúrio neuro-tóxico. Outro caso se refere a um dentista que relatou sua observação de um elo entre tendências suicidas e dentes que sofreram tratamento de canal.

Não mais dentistas?

Ao concluir essa introdução pessoal, uma citação do dentista renegado Dr. Nara:

SAlgum dia, esperemos que logo, a profissão odontológica estará extinta … ocorrerá quando o público aprender sobre a causa e cura de cáries e problemas gengivais. Ninguém que jamais conheci em mais de 30 anos não gostaria de solucionar seus próprios problemas…uma vez saiba como fazê-lo”.
Robert O. Nara, D.D.S.

Por enquanto, sou muito grata de que há dentistas desejosos de realizar o perigoso trabalho de desfazer algum do dano causado por outros dentistas (como com segurança remover antigas obturações de amálgama [veja A importância de retirar, com segurança, obturações com amálgamas de mercúrio), pesquisar materiais menos tóxicos, aplicar ozônio para matar bactérias da cárie (e assim ajudar a curar cáries) e até mesmo inventar técnicas que permitam um dente se regenerar e/ou crescer de novo.

Seções análogas

Notas de pé de página por CuraDente

1 de um relato crítico de um leitor da Amazon, sobre o livro do Dr. George E. Meinig Root Canal Cover-Up [Encobrimento sobre Tratamento de Canal]. Infelizmente, desfazer a perda de um dente ou de vários deles, devido a tratamento dentário, é mais difícil de conseguir.

2 Ver em inglês Links to proponents of mercury-free dentistry [Links de proponentes de uma odontologia sem mercúrio].

3 Aplicando-se a antiga lei da mordaça da Associação Odontológica Americana (ADA) [declarada inconstitucional em 2002] que impunha o silêncio aos dentistas, com relação a dizer a verdade sobre obturações com mercúrio.

4 O assunto inteiro é examinado a fundo em Perfuração & obturação de dentes: uma escolha imprudente? Sobre riscos, danos e perigos, como também inúmeras razões para se evitar o tratamento dentário convencional invasivo.

5 Ver “Dez dentistas – dez diagnósticos”: Sobre diagnósticos equivocados ou a qualidade e reprodutibilidade das decisões dos dentistas sobre tratamentos.

FONTE: http://www.curadente.com/introducao-desvantagens-odontologia-convencional.html

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s